9 Produtos que foram proibidos por causa de seus ingredientes

Você já pensou realmente no que compramos na mercearia? Muitas vezes confiamos nos comerciais do fabricante, na popularidade de um produto e no lindo pacote sem sequer pensar nos horrores que podem ser escondidos dentro.

A lista contém produtos que estão em prateleiras de lojas em alguns países e são proibidos em outros:

1 Kinder Ovo

1

Este bem amado por muitas pessoas foi banido nos EUA em 1938. Os funcionários do governo proibiram a venda de produtos que contenham um elemento não comestível. E uma vez que essas pequenas peças desses ovos podem ser um risco de asfixia, a importação dos ovos de chocolate foi sempre suprimida. No entanto, há 5 anos, os fabricantes inventivos conseguiram contornar a lei e voltar ao mercado dos EUA.

2 Corantes artificiais

2

Nos últimos 50 anos, o número de tintas químicas utilizadas aumentou em 500%, causando muitos danos à nossa saúde. Esses aditivos causam hiperatividade e também podem desenvolver uma alergia ou aumentar o risco de câncer. É por isso que alguns corantes artificiais nos produtos exportados para a Europa são completamente removidos do produto ou substituídos por produtos naturais.

3 Frango com antibióticos

3

A entrega de frango da maior empresa americana de fabricação de carne, a Tyson Foods, está proibida na Europa, Rússia, Noruega e Austrália. Aconteceu depois que o mundo descobriu que a Tyson injetou antibióticos , esteróides, antiinflamatórios e ketamina em suas aves de capoeira. Depois de anunciar esta informação, os representantes da empresa prometeram excluir o uso desses itens, o que eles fizeram em setembro.

4 Organismos geneticamente modificados

4

 

 

Mais de metade dos países da Europa proibiram os produtos de OGM em 2015 por razões que incluem alergenicidade, toxicidade e diminuição do valor nutricional dos produtos. É importante saber que não só as frutas e vegetais podem ser geneticamente modificados, mas também produtos de origem animal.

5 Pão com adição de fermento

5

Você já ouviu falar de bromato de potássio ? Ele serve como um fermento . Com sua ajuda, o pão permanece macio e bonito por um longo período de tempo como se fosse retirado do forno. Mas o bromato de potássio pode causar dores de cabeça, erupções cutâneas e problemas com a digestão. Infelizmente, é encontrado na maioria dos tipos comerciais de pão. É proibida no Canadá, na China e na União Europeia.

6 Salmão de fazenda

66.1

O salmão cultivado em fazendas está proibido na Austrália e na Nova Zelândia. O problema é que estes peixes cultivados são mantidos em uma dieta especial rigorosa que inclui antibióticos e elementos para aumentar a caloricidade. Simplesmente não há elementos saudáveis ​​neste salmão.

7 Alimentos com substitutos de gordura

7

Olestra é um substituto de gordura sintética, e o número de calorias que contém é zero. É freqüentemente usado em batatas fritas sem gordura marcadas com a palavra “Light”. Acredita-se que esse produto químico causa muitas conseqüências negativas para o corpo, incluindo a absorção de vitaminas essenciais. Os alimentos que contêm olestra estão completamente proibidos no Canadá e na Europa.

8 Bebidas esportivas

8

As bebidas esportivas não são necessariamente ruins ou banidas, e elas realmente contêm vitaminas, minerais e outros elementos saudáveis. Mas alguns produtores sem escrúpulos bloqueiam o mau cheiro desta bebida e melhoram a cor com a ajuda de óleo vegetal bromado, BVO (E-443). A E-443 está proibida no Japão e na Europa devido à sua toxicidade, e existe também o risco de desenvolver câncer de mama e próstata.

9 Leite

9

Os fabricantes usam muitos truques diferentes para aumentar as vendas. Para obter mais leite, algumas vacas nos EUA recebem um hormônio do crescimento. O uso do leite de tais vacas está relacionado com um risco de câncer, um risco aumentado de doença cardiovascular e um aumento no nível de hormônios tireoidianos. É por isso que este leite está proibido na Noruega, Suíça, Nova Zelândia, Japão, Austrália e 29 outros países europeus.

Fonte: Brightside

 



0 Comentário(s)

Deixe seu comentário